Internet shopping, online purchase, e-commerce and packages delivery concept, merchandise cardboard boxes on laptop keyboard

Como otimizar a logística no e-commerce

Internet shopping, online purchase, e-commerce and packages delivery concept, merchandise cardboard boxes on laptop keyboardCuidar da logística no e-commerce é fundamental para o negócio dar certo. Nada mais frustrante do que uma empresa que demora dias para entregar um produto ou, pior ainda, que entrega com erros ou defeito. Além de ruim para o consumidor, erros de logística no e-commerce também significam prejuízo para a empresa, já que exigem uma nova mobilização de entregas para reparar a falha.

Por que investir em logística no e-commerce?

Se sua empresa ainda não trabalha com vendas pela internet e pretende investir nisso, não tenha dúvidas de que é um bom negócio. Enquanto o Brasil vive grave recessão, o e-commerce no paísem 2015 teve crescimento de 15,3% em comparação ao mês anterior, de acordo com o levantamento Webshoppers. Isso representa um novo padrão de consumo que deve ser visto com atenção e, principalmente, cautela. Antes de tornar sua loja física também virtual, é preciso verificar todos os aspectos relacionados à logística no e-commerce. Caso contrário, o bom negócio passará a ser motivo de dor de cabeça e pode até manchar o nome da sua empresa com os clientes. Veja o que é preciso levar em conta:

Controle de estoque – essa é uma das partes vitais e causadora da maioria dos problemas quando o assunto é logística no e-commerce. Especialmente se o estoque das lojas física e virtual é o mesmo, é preciso ter controle rigoroso de entradas e saídas. Caso contrário, pode acontecer de um produto que já saiu de estoque ser vendido novamente, gerando frustração ao cliente que não receberá seu pedido. Quando são poucos itens, fazer esse controle já é complicado, imagine quando se trata de um volume grande de informações, operado por diversos funcionários. Nesse caso, o uso da tecnologia é indispensável. Investir em um sistema de controle de armazéns, o WMS, é fundamental para evitar erros.

Controle de entregas – feito o processo de separação da encomenda e da embalagem para destino, é hora de levar o produto para o cliente. Nesse momento, a logística no e-commerce deve agir para que o produto chegue rápido e em boas condições. Nesse caso, recomendamos o roteirizador e monitoramento de entregas. O primeiro deles é capaz de criar os melhores caminhos e chegar da forma mais rápida ao destino. O segundo permite a visualização exata sobre a posição do caminhão, além de fornecer informações sobre: paradas não programadas, engarrafamento, problemas no caminhão, além de um chat que permite  falar diretamente com o motorista e trocar informações. Para o cliente que optou por comprar seu produto pela internet isso é ótimo, já que é possível obter informações de forma rápida e fornecê-las ao consumidor em caso de algum problema.

Levando esses aspectos da logística no e-commerce em conta, sua gestão será eficiente e os clientes ficarão satisfeitos. Para otimizar ainda mais os resultados, pense em estratégias de fidelização via internet, como envio de e-mails promocionais, ou mesmo um pós-venda, perguntando como foi a experiência de compra e questionando sobre pontos que precisam ser aperfeiçoados.
Gostou das nossas dicas sobre logística no e-commerce? Tem alguma dúvida? Deixe um comentário!

call

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *