centro-de-distribuição

Projete seu centro de distribuição: saiba o que é necessário

centro-de-distribuiçãoUm centro de distribuição bem projetado é capaz de melhorar consideravelmente a eficiência das operações, seja porque tem bom layout ou faz uso da tecnologia de forma eficiente. Quanto mais complexa a logística de distribuição, mais eficiente deve ser o centro de distribuição, como é o caso do CD da Overstock que, por trabalhar com uma imensa variedade de produtos, investe muito em tornar os processos cada vez mais precisos.
Pensar sobre a eficiência do centro de distribuição vale tanto para quem já possui um, quanto para quem ainda está projetando. Fazer pequenas alterações no layout do armazém já podem fazer a diferença, melhor ainda se for possível seguir todas as orientações desde o início de um projeto. Veja o que é necessário:

1. Conheça bem o seu negócio

Cada produto possui especificidades e consequentemente necessidades diferentes. A organização de um centro de distribuição para armazenar alimentos é muito diferente da de quem trabalha com vestuário, por exemplo. Dessa forma, antes de começar o projeto, estude as melhores maneiras de lidar com o produto, saiba o que os principais concorrentes têm feito e quais dificuldades são mais comuns.

2. Envolva as diversas áreas da empresa na concepção

O projeto de um centro de distribuição precisa ser bom para todos os setores da empresa. Converse com os funcionários e pergunte o que eles pensam sobre uma nova forma de organizar o espaço. Às vezes, algo que pode ser bom para um setor, pode dificultar muito o trabalho de outro. Encontrar um meio termo é essencial para um bom projeto.

3. Fique atento à localização geográfica do centro de distribuição

O local que o centro de distribuição está localizado é estratégico por diversos motivos. O primeiro deles é a logística de transporte em si. Caso o local ainda não esteja definido, escolher um lugar com muito trânsito ou de difícil acesso pode atrapalhar muito o dia a dia, atrasar entregas e desgastar a frota desnecessariamente. Outro erro básico que não pode acontecer é escolher um local onde há restrições para o tráfego de caminhões ou com vizinhança muito próxima. No segundo caso, o barulho do seu centro de distribuição pode perturbar os moradores, que farão reclamações e gerarão dores de cabeça desnecessárias. Em contrapartida, escolher um local muito afastado pode ser ruim para encontrar pessoas que queiram trabalhar na sua empresa.

4. Adquira o maquinário necessário

O uso de máquinas só faz sentido quando elas resolvem de forma mais eficiente e econômica o que pessoas fariam. Ao projetar um centro de distribuição, analise se o custo de aquisição de um bom maquinário não é mais vantajoso do que contratar um grande número de funcionários.
Outro tópico relevante sobre esse assunto é a escolha de quais equipamentos adquirir. A compra de equipamentos envolve um uso expressivo de recursos e o gestor pode estar tentado a economizar. O conselho que damos é: pesquise até a exaustão o que seria mais interessante para o seu negócio, mas não opte por um produto só porque é mais barato. Não esqueça que uma máquina poderá servir sua empresa por anos e quanto mais moderna e eficiente ela for, as chances de que não se torne obsoleta tão cedo aumentam.

5. Invista em tecnologia

Muitas empresas já estão investindo em soluções modernas para a gestão do centro de distribuição. Já falamos algumas vezes aqui no blog sobre como soluções de WMS estão facilitando a gestão e tornando processos muito mais rápidos e precisos. Ao projetar seu centro de distribuição, seja do zero ou não, preveja o uso de tecnologia e também o avanço dela. No futuro, a tendência é que a logística seja cada vez mais independente e que a internet das coisas faça parte da realidade dos CDs. Por mais que isso hoje ainda não seja possível na realidade do seu negócio, estar atento ao futuro e projetar um centro de distribuição que possa ser capaz de adaptar-se a isso pode ser fator determinante para o sucesso da sua empresa.

Além das dicas que passamos, o feeling e a experiência do empresário também são essenciais ao projetar um centro de distribuição. Tomar decisões que poderão fazer a diferença permanentemente no seu negócio não é fácil, por isso pense bem antes de tomar qualquer atitude. Converse com colegas, adquira todas as informações possíveis, contrate bons profissionais e tenha a certeza de fazer a coisa certa.

Tem alguma dúvida sobre como projetar o seu centro de distribuição? Deixe um comentário para nós!

Crédito de imagem: GRAPHICALBRAIN/CC

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *